VENTOS DE MAIO (algumas razões para não desanimar)

O 5º mês do ano (o tempo não para…) chega com possibilidades para as forças da vida:

– a CPI da Pandemia começa a ouvir ex-ministros da Saúde, que por ação, omissão ou pressão presidencial contribuíram para a mortandade da Covid. Pazuello, o general que ficou mais tempo na pasta, foi “treinado” pelo governo para não falar verdades. E para, pavio curto como é, não “chutar o pau da barraca”. Há quem considere esse “intensivão” parecido com adestrar pitbull para comportar-se como gatinho…

– O caso horripilante de Jairo Souza Jr, o antidoutor e contravereador do Rio “Dr Jairinho”, vai andar: o inquérito policial será concluído, com seu indiciamento por homicídio e sua prisão preventiva afinal decretada. Na Câmara carioca, o processo de sua cassação tb avançará, com a provável admissão pela Comissão de Justiça e Redação e o sorteio do relator(a) pelo Conselho de Ética.

– Ainda na Câmara Municipal, vereadores proporão uma emenda para retirar a Escola Municipal Dr Cícero Penna, na av. Atlântica, da lista de bens públicos que a Prefeitura quer negociar. Escola Pública se constrói, reforma, melhora, preserva. Jamais se derruba, para entregar o terreno à especulação imobiliária! Esse crime não será cometido!

– Bolsonaro, o chefe do necrogoverno, seguirá perdendo, lentamente, defensores, que ainda são muitos. Mas desgasta ter um Roberto Jefferson no palanque de apoio, filho encalacrado comprando mansão e entrega de cargos ao Centrão. Vínculos espúrios com milicianos, ministros batendo cabeça, perseguição política a opositores (inclusive indígenas) e o cenário de crescente desemprego, inflação e devastação ambiental dão lastro à pesquisas que registram que o (des)governo tem bem mais rejeição que aprovação.

– Com nossa pressão indignada, mais vacinas chegarão, sem essas criminosas interrupções na imunização. Só estaremos totalmente protegidos quando cada um(a) estiver vacinado! #nãoàpolíticagenocida

Não há mal que dure sempre, por mais que tanta coisa esteja demorando em ser tão ruim…

Mestre Ariano (1927-2014), um homem de bem com a vida

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Twitter
Telegram
Email

Leia também:

Casa de madeira quase inteiramente submersa com as enchentes. Para fora da água apenas o telhado.

Sinais dos tempos

A Comissão para Ecologia Integral e Mineração da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), em nota, solidariza-se com as pessoas e comunidades do Estado do Rio Grande do Sul.

CARTA ABERTA AO COMANDANTE DA MARINHA SOBRE A REVOLTA DA CHIBATA

A inscrição do nome de João Cândido Felisberto, líder da Revolta contra a Chibata, em 1910, no Livro de Heróis da Pátria, já aprovada no Senado (PL 340/2018), está em análise na Câmara dos Deputados, onde tramita (PL 4046/21).

V. Exa. entrou no debate, enviando uma carta ao presidente da Comissão de Cultura, deputado Aliel Machado (PSB/PR). É legítimo, a Casa do Povo tem que ser sempre democrática.

Rolar para cima