Notícias do planalto

unnamed-1

19 mar Notícias do planalto

Já virou rotina: toda semana Cunha (PMDB/RJ) apronta uma das suas. Dessa vez, em autoritária manobra política e antirregimental, rejeitou a instalação da CPI dos planos de saúde, proposta por Ivan Valente (PSOL/SP), com o apoio de 201 deputados, por “falta de foco”. Ivan, no bate-pronto e corretamente, lembrou que Cunha recebeu grandes fortunas das empresas do setor e que, por isso, não queria permitir a criação da CPI. O embate foi feio. Como líder, explicitamos a “chicana” do presidente e anunciamos que vamos à Justiça para reverter a decisão. A briga ainda não está terminada.
Na terça, conseguimos importante vitória. Após grande mobilização, o vergonhoso “voo dos cônjuges” não decolou e a Mesa Diretora o revogou. Já na quarta, participamos de Comissão Geral para debater as crises hídrica e energética, buscando alternativas para o atual modelo de produção, consumo e vida. Outra discussão está em suspenso: ficou para semana que vem a definição da presidência da Comissão de Direitos Humanos.
Também na quarta, um grande retrocesso pode ter sido iniciado. A PEC da Bengala, que amplia a aposentadoria dos magistrados de 70 para 75 anos, foi aprovada em primeiro turno na Câmara. Votamos contra por entender que a Proposta contraria a lógica republicana e representa obstáculo em todos os graus de jurisdição à “oxigenação” do Judiciário. Seguimos pareceres da OAB e de diversas associações de juízes, como a ANAMATRA, a AMB e a Ajufe.

Sem comentários

Poste um comentário